Na Aba Harley-Davidson, empresa do grupo Aba Motors, considerada a maior concessionária da célebre marca de motos da América Latina, todo o processo de acompanhamento da jornada de trabalho dos colaboradores era feito por um sistema que não atendia de forma satisfatória os gestores. E, com o objetivo de obter uma gestão de pessoas mais transparente, a empresa implantou o software da iFractal. A solução permitiu centralizar os dados dos funcionários das empresas do grupo em um mesmo sistema, porém com administração descentralizada, ou seja, cada negócio tem acesso apenas a sua informação, enquanto que a diretoria do grupo pode consultar os dados de todas as empresas em uma plataforma única e amigável.

Com a adoção do software de gestão de pessoas da iFractal, o setor de Recursos Humanos pode acompanhar a jornada dos funcionários por qualquer aparelho conectado à internet, de qualquer lugar, o que facilita a adoção do trabalho remoto.

Outra funcionalidade do projeto é a sinalização, para a diretoria e gestores, das situações de não conformidade legal no momento de cada ocorrência, por exemplo, o início de horas extras, alerta de excesso de horas extras, aviso de funcionários sem folga e inter jornada.

Os funcionários podem realizar o registro de ponto de forma segura com foto, geolocalização, acesso às marcações e justificativas. Muitas empresas que já adotaram a flexibilidade no registro de ponto fora de suas instalações já se beneficiam dessas funcionalidades.

“Trata-se de um sistema dinâmico, interativo, estruturado totalmente no canal web e que proporciona mais agilidade na gestão das rotinas diárias de marcação do ponto, das jornadas de trabalho e de outras questões do dia a dia”, afirma Enilene Amaral, diretora de Recursos Humanos, Tecnologia da Informação e Comercial do Grupo Aba Motors.

Após a implantação do software, os gestores conseguem tratar as informações de sua equipe com facilidade e, diariamente, despendendo apenas alguns minutos com a atividade. Desta forma, os dados estão sempre prontos para que o processamento da folha de pagamento seja realizado.

Todas as funcionalidades estão de acordo com as normas da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e os requisitos da portaria 373/2011, que regulamenta o uso de sistema alternativos de registro eletrônico de ponto.

Um importante desafio desse projeto esteve relacionado à adoção e aceitação da solução por parte dos colaboradores, pois as pessoas precisavam “comprar” a ideia. “Eles precisavam entender que o sistema iria propor uma gestão de pessoas mais transparente e humanizada. Confesso que fiquei muito orgulhoso quando tive o feedback positivo da concessionária”, finaliza Marcelo Germano de Oliveira, diretor comercial da iFractal.

Fonte: Portal Abes